10° e último #tbt. Essa muitos devem lembrar - mestre @andreberezoski em 2014 - desde então eu larguei a câmera, por 2 temporadas inteiras. Mas este ano vamos ver se me reanimo, agora com um equipo "light" que volta a caber na mochila (uma compacta/mirrorless). Finalizo com algumas últimas dicas, neste caso específico de composições próximas do escalador: - expressão facial é essencial, sobretudo o branco dos olhos tem de aparecer - o foco pode não ser no infinito e portanto se torna mais difícil, verifique duplamente antes da ação - mostrar todos os pontos de apoio, principalmente as 2 mãos (aqui cabe uma autocrítica pois eu falhei em mostrar os pés) . . . That´s all folks! Adios DSLR. Boas fotos e ótimas escaladas a todos.   Espantando esse frio úmido com mais uma da série #tbt: estamos no CE2000/RJ, já como moradores da calorosa errejota, uns 10 anos atrás. Yuri tenta controlar os nervos em suas primeiras guiadas. E eu nos meus últimos anos escalando com corda. Adoro esses agarrões "orgânicos" esculpindo a parede! #climbing  Hoje às 9:30 lá em cima no Baú: Mr. @andreberezoski aperta os abaolados recém escovados do novo "Piercing de Gerdau". 8 horas depois ainda estávamos boulderando e limpando projetos. Bora pra cima galera, se não cansar não adiantou, se não cair não se puxou o suficiente! #bouldering #saobentodosapucai #fivetenbr
 Penúltima foto (2012) dessa série de despedida #tbt #dslr. Às vezes não tem paisagem bonita e temos que nos virar dentro da comodidade de uma session "beira de estrada" em zona rural. Tive sorte que o Xitão estava de vermelho e fez o crux final do Salinas à moda antiga (com o pé esquerdo aberto, bem mais estético). E a Tokina 11-16 f2.8 já me dá saudades, essa lente é minha grande recomendação pra quem está no sistema APS-C/DX. #bouldering  Continuando o meu #tbt, neste lugar/via que dispensa legenda! O escalador é o André 'Godoffe'. Só faltou uma roupinha colorida para destacá-lo. Na década passada, ele era o "titiu" e eu um "bactéria" fanático. Tinha (e sempre terei) um enorme respeito pelas velhas gerações. Me lembro de brincar falando "quero ser você quando crescer", mas o problema é que ele continua uma máquina até hoje, e eu virei um tiozão/pangaré.   #temposmodernos #climbing #herois  Ainda da última session: decifrando novos quebra-cabeças com os titius aqui na face norte... dei uma ripa nesse ao fim do ano passado, finalmente nos penduramos ali. Bastante trabalho pela frente!  @chaarteevida #bouldering #fivetenbr #saobentodosapucai #pedradobau
 Mais uma... nada fácil ficar escolhendo apenas 10 fotos de #tbt navegando por tantos anos! Essa aqui da @thaismakino é uma rara composição frontal, onde mostramos a escalada de forma mais bidimensional. Funciona melhor com placas verticais (não precisando evidência de negatividade). As fendas riscando o bloco e os incríveis buracos pediram por este ângulo. E felizmente, o logo vermelho da FiveTen salvou a roupa "camuflada de pedra" da Thais. Na configuração (assim como no post anterior) eu utilizei o sensacional filtro ND graduado Singh-Ray, adquirido diretamente no museu do Galen Rowell em Bishop, sem o qual a parte superior da foto estouraria. O boulder se chama Dominó, no lindo setor dos Ventos em Paraisópolis. Idos de 2013. Este point é um exemplo de acesso extremamente sensível (até hoje), feito através da casa dos moradores - um casal de velhinhos - cujos familiares, aos finais de semana, costumam visitá-los com crianças, chegando a subir até os blocos para nos ver escalando. #tbt  Mesma falésia, só que agora digital com minha primeira #dslr (uma Canon/Rebel modelo guaraná com rolha). Cesinha na Lágrimas de Sangue Xb. Me lembro que é difícil fotografar na Barrinha pois o local é fechado na mata e as vias são longas, ou seja, pra pegar a grandeza encantadora daquela parede é preciso aguentar pacientemente pendurado por cima. Tecnicamente, 2 coisinhas me agradam nesta imagem: a costura longa alinhada verticalmente (preservando o realismo da perspectiva), combinado com a fenda/chaminé diagonal riscando o quadro e reforçando a negatividade. Gosto também de manter o sujeito na metade superior do quadro, dando sensação de altura. #tbt #climbing  @andreberezoski iniciando o crux do Cutback V9?  aqui na face norte do Baú. Pra se ter uma idéia da sequência, dá pra ver a próxima "agarra" ali na direita... #bouldering #fivetenbr #saobentodosapucai
 Últimas da série #tbt: Diogo Marassi no clássico São Carlos, Vista Aérea, 2010. Gosto muito desta composição, onde dá pra ver o carro lá embaixo, a estradinha sinuosa pelos morros de pasto (típica paisagem mineira), o visual ao fundo (na hora mágica) além de, é claro, a session rolando com movimento de crux sendo registrado. Quase uma historinha de um dia feliz contada por um retrato. #bouldering  Vou começar infelizmente com baixíssima resolução, pois se trata de um antigo cromo digitalizado, chega a dar vergonha porque nem tenho mais os originais. Fernando Miyazawa na Barrinha/RJ, se não me engano 2002. Pra quem só me conheceu nos últimos anos, pasmem, no início do século eu ainda me encordava!  Mal suspeitava que um dia eu fosse morar na cidade maravilhosa, muito menos em São Bento. Chega a ser bizarro pensar o quanto eu me "reinventei" ao longo de 20 anos... #slr #tbt  Deslize a foto para ver o que servimos aí dentro. Hoje teve: bolo mármore (chocolate, chá verde e laranja), cookies de aveia, frutas secas e castanha, biscoito mineiro de coco, geléia de frutas vermelhas, pasta de amendoim, pão de milho, queijo meia cura, iogurte natural com farofa de mel, refresco de maçã e capim cidreira, tudo feito a 4 mãos com muito carinho, acompanhado por um cenário que se torna especialmente lindo nessa época de alta temporada. Temos poucas vagas até julho. Como sempre, recomendamos antecedência nas reservas! #ChaleClaudioeYuri #saobentodosapucai #pedradobau #cafedamanha
 Bom dia pra vc que não aguenta mais tanta chuva gelada fora de época!  Um pouquinho de sol e praia ia bem, então vamos com a série #tbt pra UBT, com @lellocorrea nesse boulder cujo nome eu me recuso a escrever  . Naquele tempo (2012) eu já empunhava minha última #dslr (uma 7D). Aqui cabe uma dica sobre profundidade de campo: a câmera estava encostada no teto do negativo (gerando o desfoque na moldura superior). E como sempre, nunca centralizar o sujeito nos frames tradicionais (16x9, 4x3), seguindo o equilíbrio da espiral de Fibonacci (uma sequência clássica que dá sentido ao universo e já batizou até boulder lá no Cruzeiro). #bouldering  Com a venda de todo o meu equipo fotográfico esses dias, estou oficialmente dizendo adeus ao mundo SLR. Chega a dar um aperto no coração! Omiti o "D" pois comecei com essa brincadeira já faz um tempinho, desde a época dos velhos filmes de 36 poses (como o saudoso Fuji Velvia 100). Muita coisa mudou em pouco tempo e confesso que sinto falta dos tempos menos "instantâneos", afinal hoje folheamos 100 revistas com algumas "dedadas" na tela do celular, vendo muito e retendo pouco. Pra me despedir, resolvi postar então um #tbt com 10 imagens que fiz usando câmeras reflex, em algumas eu vou palpitar humildes dicas pra não ficar só na nostalgia e dar alguma utilidade pra essa série.  Os posts de baixa-gastronomia continuam em 'recesso espiritual', mas essa pornografia abstrata corrompeu a minha paz de espírito. #kobesteak #wagyu
 Continuando o #tbt... já na fase boulderística que perdura até hoje. Escolhi essa do Aragão no bloco do Rala Peito pela saudosa lembrança da Urca. Este boulder é um clássico inegável, mas pra foto é horrível. Se o céu estiver limpo, a floresta vira uma "peneira" de manchas estouradas. Uma solução é usar flash, te dando um controle a mais no combate à estrela gigante. Aqui eu quis chamar bastante atenção para o bloco, pois se expor muito o resto, revelaria que se trata de um lowball sem o menor apelo dramático para os olhos. Foi naquele tempo que comecei a experimentar com iluminação artificial e nesta foto tem um defeito recorrente por aí afora: a ausência de difusor (gerando sombras duras - repare na perna direita). Outro cuidado importante é a correção de temperatura da luz branca, essencial ao meu ver. #bouldering  Taí @_samuca_silva_! Não ficou como eu queria, mas vale pela lembrança né? Na próxima, troca essa camisetinha preta de banda poser por uma vermelha do chapolim colorado. Vai aparecer bem melhor, que nem o crash do tiu Belê!   #bouldering #saobentodosapucai #fivetenbr #newkidsontheblock  Morde essa aqui, homem-aranha! #bouldering #saobentodosapucai #fivetenbr